terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

E por falar em adaptação...


Faz parte do processo de adaptação conhecer as normas que regem o funcionamento da escola.
Na educação infantil é importante que não só as crianças conheçam essas normas, mas também as famílias, uma vez que nessa idade, os alunos possuem pouca autonomia e dependem de seus pais para cumprir muitas das regras.
O cumprimento do horário de chegada à escola é um bom exemplo disso. Há um horário determinado para o início da aula e o aluno que chega sistematicamente atrasado, pode ter sua relação com as propostas encaminhadas em sala comprometidas, pois perde parte das explicações da rodinha e demora para se situar com relação ao que já está em andamento. Entretanto, sabemos que não se pode exigir de uma criança pequena que seja responsável pelo cumprimento desse tipo de compromisso. Ela depende do adulto para tal.
Na semana após o carnaval, faremos a nossa reunião de pais e vocês receberão nosso regimento interno, um “Guia de Convivência”, contendo as principais normas da nossa escola. Não se trata de uma lista de regras a serem impostas, mas sim de normas pensadas a partir da experiência e do conhecimento que possuímos sobre o funcionamento das crianças, e que visam regular a organização da Escola para assegurar o convívio.
Na EI(educação infantil), como as crianças são muito pequenas, o Guia é voltado para os pais e é fundamental que todos conheçam seu conteúdo.
Postar um comentário