domingo, 20 de julho de 2014

Rubem Alves ... fica eterno !


"Uma lagarta vira borboleta, um velho transforma-se em criança... O tempo completa o seu ciclo, volta
aos começos. Assim é o tempo da alma, um carrossel, girando, voltando sempre ao início, o “eterno retorno”. T. S. Eliot estava certo quando disse que “o fim de todas as nossas explorações será chegar ao lugar de onde partimos e o conhecer, então, pela primeira vez”."
- Rubem Alves, em “O retorno e terno”. 8ª ed., Campinas/SP: Papirus-Speculum, 1996, p. 158.

Rubem Alves nasceu em Boa Esperança, no sul de Minas Gerais, no dia 15 de setembro de 1933, e morava em Campinas, onde mantinha um instituto para promover a inserção social por meio da educação. O Instituto Rubem Alves também dá assistência a educadores.

Além de escritor e pedagogo, Rubem Alves era poeta, filósofo, cronista, contador de histórias, ensaísta, teólogo, psicanalista, acadêmico e autor de livros para crianças. É considerado uma das principais referências no pensamento sobre educação e tem uma bibliografia que conta com mais de 160 títulos distribuídos em 12 países.
Fonte: ABC Agencia Brasil

Conheça mais sobre Rubem Alves em:http://www.elfikurten.com.br/2014/03/rubem-alves-o-aprendiz-de-feiticeiro.html
Postar um comentário